Crítica Mulher Maravilha

Oi pessoal.. hoje teremos um post Off-Disney/Universal/Orlando…

Como vocês já sabem, eu Guilherme, Marvete assumido, não perco uma estreia dos cinemas, PRINCIPALMENTE quando se trata de filmes de super heróis.

Image result for marvete

Recentemente fui assistir a um dos lançamentos mais esperados do ano: Mulher Maravilha.

Confesso que não sou muito fã da DC Comics. Embora não tenha assistido a todos os filmes, o estilo dark e universo desconexo dos mesmos nunca me chamaram muita atenção.

Pois bem.. há algum tempo a DC Comics anunciou que estaria FINALMENTE criando um universo compartilhado entre seus filmes, ou seja… um filme completa o outro assim como a Marvel faz desde o lançamento de Homem de Ferro.

Dos filmes anunciados dessa nova fase da DC, três me chamaram atenção: Esquadrão Suicida, Mulher Maravilha e Liga da Justiça.

O primeiro acabou sendo uma enorme decepção quando eu fui assistir. Chato do começo ao fim. Logo, haviam chances ALTAS da DC arruinar com o tão aguardado Mulher Maravilha também…

Image result for suicide squad joker gif

O trabalho que eu vi em Mulher Maravilha foi digno de palmas. Emoção bem distribuída, um filme sem aquelas cenas com diálogos intermináveis típicas da DC, cenas de ação SENSACIONAIS, empoderamento feminino (já chego lá), uma pitada de humor e o mais importante: uma atriz que fez jus a personagem.

Gal Gadot está incrível no papel da amazona Diana Prince e consegue passar direitinho ao público o mix de justiça, força, inteligência, beleza e coragem da personagem.

Image result for gal gadot wonder woman gif

Se em Esquadrão Suicida a DC claramente se perdeu na hora da montagem do filme, em Mulher Maravilha pode-se afirmar que a atenção foi mais que redobrada.

Um tema ‘polêmico’ do filme foi a questão do empoderamento feminino. A diretora Patty Jenkins teve a brilhante função de trilhar um filme onde temos uma mulher tomando frente numa guerra em uma época em que as mesmas lutavam por direitos civis BÁSICOS, uma mulher que não tem medo de enfrentar grandes homens no poder, que não se intimida com uma situação complicada, que não precisa de um homem para lutar, que pode muito bem se cuidar sozinha e que também não se priva de sentimentos comuns como o amor.

A Mulher Maravilha foi ao longo dos anos um ícone feminino, tanto de força quanto estético. E embora o último ainda traga algumas controversas, a DC conseguiu renovar com sucesso esse ícone atemporal que mantém a essência da personagem dos quadrinhos.

O filme é o melhor da DC desde Batman – O Cavaleiro das Trevas e com certeza um dos melhores filmes de super heróis já feitos.

Sendo assim, os que acharam que o universo cinematográfico DC estava perdido após os fiascos Batman vs. Superman e Esquadrão Suicida, podem reacender a chama da esperança. Resta aguardarmos pelo grande Liga da Justiça – Parte I que será lançado ainda esse ano e ver se a grande rival da Marvel finalmente fez a lição de casa e aprendeu a fórmula de sucesso dos filmes de super heróis.

Ficha Técnica:

Título original: Wonder Woman
Título BR: Mulher Maravilha
Direção: Patty Jenkins
Nota Expresso Disney: Image result for 4,5 stars Image result for wonder woman poster