Volcano Bay decepciona com falsa promessa de parque SEM FILA

ORLANDO, Fl – Desde a inauguração do parque aquático Volcano Bay, choveram críticas e reclamações referentes a experiência dos visitantes com o tão comentado parque SEM FILAS. O que os visitantes viram em geral foram filas gigantescas e um sistema extremamente falho da pulseira TapuTapu.

A PROMESSA:

O Volcano Bay prometia desde o início ser um parque onde os visitantes não pegariam fila para ir aos brinquedos. Chegando ao parque, os visitantes pegam a pulseira TapuTapu (já inclusa no ingresso do parque) onde podem marcar um horário para retornarem nas atrações desejadas e até dar o horário de retorno, podem curtir as outras amenidades do parque.

A REALIDADE:

De acordo com diversos comentários e reviews da internet, só é possível marcar um brinquedo por vez e o tempo de espera para as atrações superou as 5, 6 horas facilmente nos principais brinquedos em alguns dias. Quando chega a pulseira a hora de voltar na atração, o visitante ainda encara uma outra fila para conseguir de fato “brincar”.

Como se não bastasse isso, o número de espreguiçadeiras do parque parece não acompanhar a demanda de visitantes, já que elas se esgotam poucas horas depois do parque abrir, deixando os visitantes sem opções de lugar para descansar ou deixar seus pertences a não ser alugar as cabanas de $30 ou os armários por $15.

Além disso, os restaurantes do parque e o rio lento estão sempre lotados e há relatos quase que diários das atrações sendo fechadas por falhas técnicas.

O resultado disso? Uma média de 2 estrelas no site TripAdvisor (maior site de avaliações do mundo) baseado em quase 200 reviews.

Como a alta temporada está apenas começando, o parque ainda está para receber MUITOS visitantes, especialmente no feriado 4th July que se aproxima, então se a Universal não tomar medidas sérias e urgentes, a situação tende a piorar ainda mais!

 

E você? Já visitou o parque Volcano Bay? O que achou da sua experiência? Conte para nós nos comentários.

Este post foi feito baseado nas avaliações do TripAdvisor e nas dezenas de posts de grupos e páginas do Facebook. 

Fontes:

Orlando Sentinel